TRANSPARÊNCIA

Para mobilizar, sempre partimos da ideia de respeitamos e valorizarmos cada pessoa e seu conhecimento. Defendemos o diálogo e a democracia em todas as situações pois TODOS tem muito à ensinar, uns aos outros. Por isso, atuamos de forma não leviana ou abstrata: cada pessoa é ÚNICA e tem seu direito de se expressar. Por isso, convidamos à todos que desejarem ter seus textos ou ideias publicadas em nosso BLOG, participem!

 

É dessa união que construiremos, sem dúvida alguma, uma sociedade melhor e mais HUMANA.

2010 ~ 2018 © ClaudioDiMauro.com.br   TODOS OS DIREITOS RESERVADOS 

desenvolvido por

A MANOBRA DE BOLSONARO PARA SAIR DA "LISTA FRIBOI"

Quinta-feira, 23 de Março de 2017

Menos, seu Jair Bolsonaro. Bem menos!

"Eu não fico dando muita bola para o senhor Jair Bolsonaro, mas quando ele se mete a fazer todo mundo de burro, é obrigação mostrar isso". Jornalista revela truque contábil do deputado conservador para sair da “lista da Friboi”

 

   O jornalista Fernando Brito, que edita o Tijolaço, revelou neste domingo (19) como o deputado Jair Bolsonaro (PSC-RJ) manobrou para sair da lista da JBS-Friboi.

   Eu não fico dando muita bola para o senhor Jair Bolsonaro, mas quando ele se mete a fazer todo mundo de burro, é obrigação mostrar isso.

   Ele postou em seu Facebook e no Youtube um vídeo (veja ao final) dizendo que “devolveu” o dinheiro que recebeu oriundo da JBS – dona da marca Friboi – dizendo que por isso era honesto.

 

   Menos, seu Jair, menos.


   O senhor recebeu R$ 200 mil da JBS-Friboi, repassados pelo diretório nacional do PP, através do recibo eleitoral  011200600000RJ000001, conforme o TSE.

   E, de fato, devolveu, no mesmo dia 24/7 de 2014.  Aliás, por conta de uma atrapalhação contábil, devolveu “um dia antes” de ter recebido. Só que, imediatamente, recebeu o mesmo valor, desta vez da conta do PP no Fundo Partidário, pelo recibo eleitoral  011200600000RJ000002.

Leia também

Prestação de contas de Bolsonaro (PSC) divulgadas

   Ou seja, o mesmo dinheiro recebeu um “banho” e ficou limpinho e cheiroso.

   Esta parte o senhor não conta. Ninguém o está acusando de “maquiar” carnes com produtos químicos.

   Mas, por favor, as contas eleitorais maquiadas com troca de cheques também não são tão perfumadas assim, não é?

Agora queremos saber de VOCÊ: Qual a SUA OPINIÃO sobre essa matéria? Escreva. Opine. PARTICIPE!
E com a SUA ajuda que podemos deixar esse nosso sitio cada vez mais agradável aos nossos leitores